Your Language

Google-Translate-ChineseGoogle-Translate-Portuguese to FrenchGoogle-Translate-Portuguese to GermanGoogle-Translate-Portuguese to ItalianGoogle-Translate-Portuguese to JapaneseGoogle-Translate-Portuguese to EnglishGoogle-Translate-Portuguese to Spanish

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Por quê?


Hoje não estou aqui pra falar de algo positivo, e sim pra deixar uma mensagem de indignação. Acordei com meu irmão me chamando pra ver algo que merecia ser fotografado. Olhei da varanda da minha sala, e vi exatamente isso que vocês podem ver na foto abaixo.


Uma fumaça pesada, amarga, de egoísmo, negatividade, incompetência . Pensei talvez que fosse algumas substâncias inflamáveis, acidente. Não sei. Mas me enganei. Não demorou muito para que começasse o jornal local, e aparecesse que o incêndio estaria acontecendo em um galpão aqui no bairro de  Jaraguá . E é com tamanha raiva que conto o que tanto estava causando esse fogo... 1 tonelada de roupas, e alimentos, e barracas que seriam doadas para as vitimas das enchentes. Agora eu gostaria que os responsáveis pela distribuição respondessem a mim, e a todas as milhares de pessoas que ajudaram:
Por que essas roupas não foram entregues, as pessoas que são urgentemente necessitadas?!
Quantas milhares de pessoas não passaram dias e dias, inclusive o Natal, com frio, em situações precárias, por causa da falta de humanismo? O que estavam esperando? Autorização? Ou realmente acontecer algo assim , para que todos soubessem o que existia por trás das portas desses  galpões abandonados da 'baixa defesa civil do Estado de Alagoas'?!

Queria ser um dessas pessoas mal preparadas desse jornalismo alagoano, pra perguntar ao encarregador superior da Defesa Civil, o que realmente deve ser questionado. Falta firmeza, polêmica, cobrança, e desejo por justiça, e bom funcionando das leis.

 Por isso que Alagoas não cresce, por isso que a fome, as drogas, a ignorância é umas das maiores do Brasil.  Falaram que a culpa do fogo seria talvez de moradores de rua, ou quem sabe um curto circuito. Eu quero é saber o responsável desse material não ter sido distribuído. E também quero saber o motivo de jogarem a culpa pro mais fraco, ou para o inexplicável.
Não vi nenhuma noticia que tocava nesse ponto. Porque na verdade quase ninguém se preocupa com os que perderam tudo. Vergonha publica! E é com fome, com frio, sem ajuda, que muitas Famílias, prejudicadas irão terminar o ano de 2010. Principalmente se depender da sensibilidade de quem realmente tem algum poder, para transportar, mobilizar  ajuda básica a quem realmente precisa.



No formar de uma fumaça tão negra, triste e suja. Que posso ver milhares de sorrisos, sendo queimados junto com tantas roupas, comidas, e cerca de 150 mil barracas.

Ps. E se perguntarem quem foi que teve a ousadia de expressar pensamentos tão duros com esses "poderosos"... Podem dizer que foi Barbara Hannah, uma pessoa comum, que não aguenta ver tanta coisa errada, e ficar calada.

3 comentários:

surfistas girls disse...

É triste! mas infelizmente não esperava algo menor desse estado .. e de seus representantes. que só pensam no próprio bem estar! Lamento por quem precisa.

Alexandre Lopes disse...

É de deixar qualquer ser humano indignado, tamanho descado.
Muito bom seu artigo!!

Alice disse...

sò digo uma coisa:
èfoda!